sábado, 27 de dezembro de 2008

O Diário de Luisa


"Era uma foto quase sem rosto, mas expressava a satistação pela vida". Camila imaginava a emoção transbordando por aquele corpo. Aquela fotografia cortada foi a primeira coisa que lhe chamou a atenção no monte de palavras. Na capa estava escrito: diário de Luisa, em letras milimétricamente de mesmo tamanho e de caligrafia refinada; estava escrito à nanquim.
Achou também um pedaço de pano amarelado pelo tempo. Era de um tecido fino, tipo seda, cheio de minúsculas florzinhas que pareciam ser azúis e uma rosa de cor indecifrável,mas que não era branca, isso ela tinha certeza!
Camila abraçou o diário a seu peito como se fosse seu e começou a "viajar" pelo tempo...







5 comentários:

Gisele Freire disse...

Linda foto!

ivan alves de lima disse...

assim achei melhor.

ivan alves de lima disse...

com o texto a foto fica mais forte e cria um clima de mistério: quem é márcia, quem é luisa e quem é camila. maravilhoso ver vocÊ escrever tão tem como já fotografa maravilhosamente.

Fabiola disse...

Gosto!!
gosto ainda mais de passear
mesmo que seja internet

gosto muito , gostei muito do que escreveu!
e adoro viajar , as vezes no tempo!
um bjo!
e obrigada pela visita !
Fabiola

Alice Monteiro disse...

Amei sua foto e as personagens criadas: Camila e Luisa. Você está escrevendo cada dia melhor e clicando também...
Feliz Ano Novo, minha adoradinha!
Um milhão de beijos.